GL

"Para quem tem pensamento forte, o impossível é só questão de opinião" Chorão - CBJ

Nosso e-mail: umgoldenemnossavida@hotmail.com

20 de fev de 2013

PRIMEIRO PROBLEMA: NECESSIDADES NO LOCAL CERTO



Conforme prometido, iremos falando sobre alguns probleminhas que podem ocorrer ao criar um golden no apartamento, ou, nesse caso, qualquer que seja o cão. Bom, nós pegamos a Luna perto dos quarenta dias de idade. E como ela veio meio que de uma forma "mais depressa que a gente imaginava", tivemos que pesquisar alguns truques que deram certo para apostar nossas fichas naquele mais adaptável ao apartamento. O nosso apartamento não é grande, mas possui uma área de serviço e um quartinho de empregada. E era lá que ela ia ficar.

Quando a Luna chegou ela era uma bolinha de pelo e linda, mas sabíamos que ela sentiria muita falta da família. Por isso, tratamos logo de pegar uma toalha e esfregamos muito na mamãe dela para pegar bastante o cheiro e podermos levar a toalha para casa.

Fizemos um quadrado com caixas, de aproximadamente 1 m², para colocarmos: De um lado, a cama da Luna com a toalha. Do ladinho da cama deixamos um pote para água e ração e do oposto à cama, deixamos o jornal para que ela fizesse as necessidades ali.

Depois de alguns dias, na qual não sabemos precisar muito, observamos duas coisas: A Luna já estava fazendo as necessidades em cima do jornal e outra, ela reclamava quando o jornal estava sujo.

Importante dizer que a Luna só tinha contato com o resto da casa quando nós estávamos em casa. Caso contrário, ela ficava neste espaço reduzido.

Como percebemos que ela estava agindo como queríamos, aumentamos o seu espaço para uns 2 m² aproximadamente, dispondo a cama, potes e jornal nos mesmos pontos. Mantivemos a mesma posição nossa de que a Luna tivesse contato com os demais cômodos da casa somente com nossa presença. Sabíamos que não seria fácil nem pra ela e nem para nós, mas sabíamos que para o futuro isso ia ser bom para as duas partes.

E continuamos assim sucessivamente. Paulatinamente fomos aumentando o espaço dela dentro de casa. Demos o espaço do quartinho da empregada, depois de alguns dias o quartinho mais a área de serviço e mais tarde ainda até a copa/cozinha. Claro que de vez em quando ela fazia em lugar errado. As vezes ela estava conosco na cozinha, saia correndo em direção ao jornal, mas não conseguia segurar... Outras vezes fazia no lugar errado para nos testar. O que fazíamos? Nunca brigamos com ela (não posso negar que tinha horas que dava vontade de esganar, hehehe). É um teste de paciência. Um dia ela faz tudo a mil maravilhas. Acha que nunca mais vai fazer errado e tem dias que parecia que ela tinha desaprendido tudo.

Pois então, como disse, nunca brigamos com ela quando ela fazia no lugar errado. Quando era ao contrário e ela acertava, fazíamos festa e a recompensávamos com petiscos ou muitos carinhos. Outra coisa que fazíamos era não limpar na frente dela quando fazia no lugar errado. Lemos em algum lugar que ela poderia achar que a gente poderia estar brincando com ela ou que ela estava “mandando na gente”.

A Luna nos testou bastante nos primeiros meses, mas fomos persistentes e tivemos com ela uma educação quase que militar. Nunca batemos nela e as brigas são conversadas em um tom mais alto, pois eles sabem muito bem quando estão fazendo alguma coisa errado.

Bom, esperamos que aqueles que pegarem um filhote de golden e utilizar a técnica que usamos tenham sorte, dedicação e paciência. Essa raça é maravilhosa, carinhosa, atenciosa e muito inteligente. Quando adestrada fará exatamente o que você pedir.

Abraços e até mais!!!!

5 comentários:

  1. Minha golden come o jornal, e faz a maior festa com ele... como posso fazer para que ela faça no mesmo lugar no pátio para ficar mais fácil de limpar?

    ResponderExcluir
  2. Ahhh, é verdade!! Esses tempos você tinha mandado um email para nós dizendo que a sua Golden estava com 32 dias!!! Bom Carol, nós não somos especialistas no assunto, mas conosco deu certo, hehehe. No começo a gente precisa de um pouco de calma e insistência mesmo. Esse é um momento crucial, pois é uma época que eles nos desafiam mesmo e testam nossa paciência ao limite. Nessa fase eles começam a roer e a querer destruir tudo que vê pela frente. É um momento de atenção pois ela vai querer roer sua roupa, sapatos, cadeiras, móveis e assim por diante. É a hora de colocar limites para ela. O jornal, a princípio, ela está vendo como uma diversão, pois faz barulho, não deixa de ser divertido e desestressa o cachorro!! A Luna era igual. Temos um "post" acho que em Agosto de 2010 em que aparece o seu quarto arrumado e depois destruído com pedaços de jornal para todos os lados. Mas para nossa felicidade, essa é uma fase passageira e daqui a pouco ela vai aprender direitinho. Insistência e paciência são as palavras chaves. O site caocidadao.com.br, do Alexandre Rossi, dá um monte de dicas, incluindo quais as formas ideais de impor limites aos cães. Esperamos ter ajudado. Qualquer coisa é só entrar em contato conosco. Até mais!!!

    ResponderExcluir
  3. Nossa golden nos deixou preocupada no começo. Ela tem um espaço de uns 3m2, em uma extremidade colocamos o "banheirinho" e na outra a cama dela. Ela não fazia as necessidades dela ali, e 'segurava' até que pudesse ir na sala fazer!...Ficamos bastante preocupados, mas depois li em algum lugar que, por serem cães que gostam de uma limpeza, colocamos a cama dela na SALA, a comida/água na Cozinha, e o banheirinho na área de serviço (tudo bem separado) e em menos de 1 semana ela já aprendeu onde fazer (errava algumas vezes, mas era bem poucas vezes, levando em consideração que só estávamos em casa de manhãzinha e à noite).

    ResponderExcluir